quarta-feira, abril 4

Era uma vez, uma historia de amor # - Especial

Quero que percebam o mais importante no meio desta historia: O “ele” do início, não é o mesmo “ele” do fim, são duas pessoas completamente diferentes. A história podia ter fim, mas não teve e sabem porquê? Ele não desistiu, ela não se prendeu ao passado. A vida é feita disto mesmo, de desgostos e desamores ate encontrarmos a estabilidade que precisamos para sermos felizes, a verdade é que ela aprendeu tanto com a primeira relação, foram três anos que podem ter corrido mal, mas foram três anos onde ela cresceu e aprendeu o que era a vida, o que era o amor. Hoje tem a relação perfeita graças a isso, sabe os erros que não pode voltar a repetir.
Nunca desistam da vossa felicidade por alguém que já não quer fazer parte da vossa vida, nunca deixem de ser feliz, a vida é feita para sorrir, para aproveitar, para viver!  Quero que isto além de uma simples historia, seja um exemplo, porque eu hoje sou feliz como nunca fui.
Agora para a questão mais feita pelos leitores: Eu sou a protagonista, escolhi o nome de Maria porque é o nome de uma menina muito especial para mim, vai ser sempre, apesar de ser irmã do menino de olhos verdes, Sérgio é o nome verdadeiro dele. Lourenço é o meu namorado, chama-se Samuel Lourenço, dai ter utilizado um dos nomes. E falei também de Marta, que é a Debora, a minha estrela hoje ainda é (e continuará a ser sempre) uma das minhas maiores amizades.
A história é real, pode ter alguns pormenores principalmente no início que podem estar mal, mas pouco fogem da realidade, pormenores que já não me lembro exatamente como foram.  Mas na generalidade é isto, “a história da minha vida amorosa.” Tema que venceu a sondagem que em tempos fiz aqui no blog.
Espero que tenham gostado e ficado a conhecer um pouco mais sobre mim, acreditem que são vocês, os meus leitores, que fazem com que valha a pena, rabiscar e escrever.  

21 comentários:

  1. oih de nada! amei completamente :D

    ResponderEliminar
  2. a historia foi linda, escreves tão bem. e eu já desconfiava que eras tu a protagonista. és uma lutadora ;)

    ResponderEliminar
  3. Não agradeças! O mérito é todo teu. Tens de facto um enorme talento :) A história estava fantástica! Parabéns! Venha a próxima ;)

    ResponderEliminar
  4. amei! assim com todas as letrinhas! amei.

    ResponderEliminar
  5. Gostei da história, como a "joana" dixia eu tambem ja desconfiava qe fosses tu na historia, e afinal axo que tinha raxao.. Prima*.* continua assim.....




    Axx: Tua primita veróniquitah

    ResponderEliminar
  6. de nada querida. gostei mesmo da historia :)

    ResponderEliminar
  7. hello, hello...
    estive a ler toda esta história e achei fascinante, a sério. está mesmo bem escrita e nota-se que tem muito sentimento para ti. continua a escrever e caso consigas, escreve nova história.

    bem, eu criei o meu blog á pouquito tempo, mas se quiseres dá lá uma visita ;)

    beijo, gostei mesmo muito do que escreves.
    vou seguir*

    ResponderEliminar
  8. fui ler a história desde do principio e adorei! és uma rapariga muito forte e ainda bem que agora estás feliz!

    ResponderEliminar
  9. Olá,

    nada de desistir!
    Gostei muito de ler esta história!
    bjs
    Fica bem

    ResponderEliminar
  10. nós que te agradecemos por partilhar sua vida e seus momentos conosco.

    beijos

    ResponderEliminar
  11. Acompanhei e valeu mesmo a pena querida :) *

    ResponderEliminar
  12. sei que já fiz dois comentários anteriormente, mas não posso deixar de dizer que adorei. é uma história bonita, com os seus momentos menos bons, mas uma história que interliga muitos por ser sobre amor: de uma forma ou de outra, todos havemos de o sentir um dia. continua a escrever, a sério!

    ResponderEliminar
  13. Nem imaginas a força que me deu a ler esta tua historia...Esta linda, parabens!!

    ResponderEliminar
  14. Whuoa encontrei o teu blogue por acaso e adorei esta tua "realidade". Felicidades acima de tudo :)

    ResponderEliminar